$type=carousel

Ministério Público do Amapá Investiga Verbas Públicas destinadas à Assembleia de Deus

Dinheiro seria para financiar comemoração do centenário da igreja O Ministério Público Federal no Amapá (MPF/AP) solic...




Dinheiro seria para financiar comemoração do centenário da igreja







O Ministério Público Federal no Amapá (MPF/AP) solicitou à Justiça Federal, no último mês de junho, que a prefeitura da cidade de Macapá, capital do Amapá, e o governo do estado, esclareçam a origem do dinheiro público destinado às comemorações do centenário da Assembleia de Deus na região.
De acordo com informações divulgadas pela assessoria do MPF/AP, caso a existência das verbas seja confirmada, o bloqueio do repasse poderá ser feito. O valor previsto pode chegar a mais de 2 milhões de reais. Se o repasse foi concluído, a justiça pode determinar medidas para ressarcimento dos valores cedidos.
Na avaliação do MP, a contribuição financeira deste gênero fere o princípio de laicidade do estado, além de provocar dano social e aos cofres públicos: “especialmente em um Estado onde há significativa deficiência na prestação dos mais diversos serviços públicos”, disse a assessoria da instituição.
“Deve-se ter em mente que a atitude levada a cabo pelos três entes federativos impõe sérios danos à coletividade, uma vez que valiosos recursos, bens e serviços estão deixando de ser direcionados à prestação de serviços públicos para financiamento de algo que é expressamente proibido pelo texto constitucional”, consta em parte do pedido à Justiça.
Apesar da ação, o MPF tem suas preocupações. “Não almeja nem desmerecer os fiéis da Igreja Assembleia de Deus, nem os seus cem anos de contribuição para o auxílio espiritual e humanístico no Estado do Amapá. Pelo contrário, com a presente demanda, objetiva-se dar efetividade ao pressuposto constitucional da laicidade”.
A situação investigada data-se de 12 de junho, quando o governo do Amapá anunciou apoio financeiro à programação do centenário da igreja Assembleia de Deus cujo período de comemorações se dão entre o dia 24 de junho e 21 de outubro.
Um ofício foi entregue ao governador Waldez Góes (PDT), por meio do MPF/AP, que solicitou esclarecimentos, em um prazo de 48 horas, sobre o valor. No entanto, o gestor não respondeu o ofício dentro do tempo previsto e determinado.

COMMENTS

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Nome

ltr
item
DEUSEAMORIANOS : Ministério Público do Amapá Investiga Verbas Públicas destinadas à Assembleia de Deus
Ministério Público do Amapá Investiga Verbas Públicas destinadas à Assembleia de Deus
https://1.bp.blogspot.com/-2-7jW-AK7S0/WWBIXTu18yI/AAAAAAAAEJ8/ijVGXCCWxuk5G6I1g_-9aYYpjGIIW9wVACLcBGAs/s640/umadecamp%2Bpara%2Bsite%2B10.jpg
https://1.bp.blogspot.com/-2-7jW-AK7S0/WWBIXTu18yI/AAAAAAAAEJ8/ijVGXCCWxuk5G6I1g_-9aYYpjGIIW9wVACLcBGAs/s72-c/umadecamp%2Bpara%2Bsite%2B10.jpg
DEUSEAMORIANOS
http://www.deuseamorianos.com/2017/07/ministerio-publico-do-amapa-investiga.html
http://www.deuseamorianos.com/
http://www.deuseamorianos.com/
http://www.deuseamorianos.com/2017/07/ministerio-publico-do-amapa-investiga.html
true
8490450740517024814
UTF-8
Carregado Todas as Mensagens Não foram encontrados posts Veja Mais Leia Mais Resposta Cancelar resposta Delete De Início Páginas Postagens Veja Mais RECOMMENDED FOR YOU LABEL Arquivo Pesquise TODAS AS PUBLICAÇÕES Não foram encontrados resultados com a sua mensagem Voltar ao início Domingo Segunda-feira Terça-feira Quarta-feira Quinta-feira Sexta-feira Sábado Sun Mon Tue Wed Thu Fri Sat Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Ooutubro Novembro Dezembro Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Aug Sep Oct Nov Dec just now 1 minuto atrás $$1$$ minutos atrás 1 hora atrás $$1$$ horas atrás Ontem $$1$$ dias atrás $$1$$ weeks ago Mais de 5 semanas atrás Seguidores Siga THIS CONTENT IS PREMIUM Please share to unlock Copy All Code Select All Code All codes were copied to your clipboard Can not copy the codes / texts, please press [CTRL]+[C] (or CMD+C with Mac) to copy